Categoria: AGENDA CULTURAL

45 músicos de Alagoas se unem em concerto para criar a maior orquestra filarmônica do Estado

No mundo inteiro, um dos principais indicadores do nível cultural de um Estado é sua capacidade de contar com uma orquestra sinfônica (mantida com verbas governamentais) ou filarmônica (quando a orquestra é mantida com verbas de empresas privadas ou apoiadores individuais). Continue reading “45 músicos de Alagoas se unem em concerto para criar a maior orquestra filarmônica do Estado”

Anúncios

Com a criação e produção de Geoberto Espírito Santo, o Teatro da Energia

DIVULGAÇÃO 1

INSCRIÇÕES: CLUBE DE ENGENHARIA: 32216000 ou pelo e-mail: clubedeengenharia@gmail.com

CUSTO: 1 kg DE ALIMENTO NÃO PERECÍVEL OU UMA LATA DE LEITE EM PÓ. PODE SER LEVADA NA HORA DO EVENTO.

Global Village reúne intercambistas de diferentes países neste final de semana em Maceió

Evento incentiva o intercâmbio cultural e pretende expandir a visão de mundo dos alagoanos neste sábado (29) e domingo (30) no Maceió Shopping

A melhor recompensa que se traz de um intercâmbio é o conhecimento e as experiências vividas e é com essa bagagem que 30 intercambistas estarão durante este fim de semana, sábado (29), das 10 às 22h, e domingo (30), das 12 às 21h, compartilhando histórias das cidades que realizaram trabalhos sociais e das culturas visitadas em frente à loja Renner, no Maceió Shopping.

O evento é organizado pela AIESEC em Maceió – a maior organização gerida por jovens do mundo – e vem para reunir informações e curiosidades de intercâmbios, despertando o desejo de praticar trabalhos voluntários em outros países.  “Sabemos que ambientes desafiadores desenvolvem líderes. O convívio com outras culturas, bem como a preocupação de impactar a sociedade, são o caminho para alcançar a paz mundial e essa é nossa missão”, explica o presidente organizador do evento, Henrique Costa.

Além dos intercambistas, a feira ainda conta com jovens alagoanos compartilhando experiências de intercâmbio social realizado em mais de 18 países da América do Norte, América do Sul, América Central, Europa e Ásia. Apresentações artísticas como Tango, Dança do Ventre, Dança Afro e Dança Afro Aiêorum, além de apresentações de Gabriela Macêdo e Marcelo Domini com Bachata e Zouk também contemplam a programação.

O Global Village é gratuito, aberto para todo o público e tem apoio da faculdade FAN, Maceió Shopping, Pub El Lugar, Maceió Pallets, Tapioca Maria Bonita e Churrascaria do Bigode.


Serviço:

Global Village

Local: Em frente à loja Renner, no Maceió Shopping, Mangabeiras

Dia: Sábado (29) das 10 às 22h e domingo (30) das 12 às 21h

Ingressos: Entrada gratuita

‘Calabar, Herói em busca do Brasil’ é concerto com músicas de Chico Buarque e Ruy Guerra

A performance concebida por Sebage e com participação de músicos da Orquestra 7 de Setembro, de Porto Calvo, ocorrerá no sábado (22) 

No próximo sábado (22), dentro da programação da “Semana Calabar”, promovida pela Secretaria de Cultura de Porto Calvo, o cantor Sebage e a Orquestra Sete de Setembro apresentam o concerto “Calabar, Herói em busca do Brasil”, com uma seleção de canções e temas instrumentais do musical “Calabar, o Elogio da Traição”, escrita por Chico Buarque e Ruy Guerra em 1973. A performance, que inclui leitura de trechos da peça, ocorrerá a partir das 20h, no auditório da prefeitura, no centro da cidade distante 100 km ao norte de Maceió.

Com algumas canções censuradas pelo ditadura militar (“Ana de Amsterdã”, “Não existe Pecado ao Sul do Equador”, “Vence na Vida quem diz Sim”), “Calabar, o Elogio da Traição” estreou em 1973. O disco com a trilha sonora foi lançado pela gravadora PolyGram ainda naquele ano.

“Nosso concerto é uma homenagem ao 22 de julho, dia em que o anti-herói Domingos Fernandes Calabar fora executado, isso no ano de 1635. Ele foi garroteado, enforcado, esquartejado, as partes fincadas em postes pela cidade”, narra Sebage, que atendeu ao pedido da secretária de cultura do município, Terezinha da Silva.

“Calabar é um ícone local, mas é, sobretudo, um herói nacional”, explica o cantor e compositor, responsável, também, pela produção do espetáculo. “Apresentaremos parte da obra musical e teatral de Chico Buarque e Ruy Guerra, demonstrando com isso a força e a importância da nossa própria História.”

De acordo com o artista, o concerto de voz, coro, banda e orquestra “quer trazer de volta, ainda, a beleza e a contemporaneidade das canções de Chico Buarque”. “Clássicos como “Cala a Boca, Bárbara”, “Tatuagem”, “Não existe Pecado ao Sul do Equador”, são relíquias, tesouros da cultura nacional.”

Os músicos da Orquestra Sete de Setembro, Alan Jones (trombone), Evandro Moura (sax alto), Fernando Boulanger e Manoel Maguila (trompetes), Rudy (bateria) e Vinícius José (percussão), atuaram, também, como arranjadores, junto com o guitarrista Sílvio Lima, velho parceiro de Sebage na banda Sangue de Cristo (Maceió, 1987). O saxofonista e cantor do grupo Expresso Latino, Ely Johnson – que nessa empreitada em Porto Calvo tocará contrabaixo –, completa a trupe instrumental. No coro, além dos cantores Wesley e Anderson, o artista maceioense Pc Lamar – que dividirá os vocais de algumas canções com Sebage.

O trombonista Alan Jones deu os primeiros passos na música em Porto Calvo, completando uma formação prática e teórica na tradicional escola de Matriz de Camaragibe. “Foi lá que formei minhas bases na música e criei um gosto pelas belas melodias e grandes autores”, reconhece. Jones escreveu todas as partituras para os metais (sax, trombone e trompete) das oito músicas que compõem o concerto, assinando a direção musical junto com o guitarrista Sílvio Lima.

“Agora é a vez e Chico Buarque”, continua Alan Jones. “É uma honra. Sempre gostei de tocar com músicos de Maceió e todo contato que tive foi com pessoas humildes e sempre atentas a sugestões. dicas entre ensaios e apresentações. Este projeto agrega músicos de diferentes cidades, que não tinham contato algum para fazer música de boa qualidade. Acredito que, com a colaboração de todos, a boa música continuará sendo divulgada e apreciada.”

Segundo Sebage, o “Calabar, Herói em busca do Brasil” seguirá em turnê por outros municípios alagoanos, especialmente na região Norte. “É um trabalho que prevê apresentações em toda nossa Alagoas Boreal, em cidades como Porto de Pedras, Japaratinga e Maragogi”, afirma o artista e produtor.

A performance em Porto Calvo recebe patrocínio da Secretaria de Comunicação do governo do Estado, com apoio da prefeitura de Porto Calvo através da Secretaria de Cultura do município. A Secretaria de Estado da Cultura e a editora Urupema Comunicação e Jornalismo também apoiam o projeto.

ASSESSORIA DE IMPRENSA

Urupema Jornalismo & Comunicação

ALLAN BASTOS E A TRAMELLA

A banda Tramella faz cover do Cazuza, foi criada em 2010 e é composta por Allan Bastos (voz, guitarra e violão), Alisson Ferreira (baixo) e Jeff Joseph (bateria).

SÁBADO, 22.07 às 21h

Local: Restaurante “Jardim do Mar” (Ao lado do Filé do Zezé da Jatiúca)

PROJETO RAIZ DO SAMBA CONVIDA LUIZA DIONIZIO

“Resgatar o Samba de Raiz, a cultura do samba e dar visibilidade a novos talentos do gênero em nível nacional.” Esta é a proposta desse novo Projeto composto por dois Grupos do autêntico Samba de Raiz muito conhecidos na nossa cidade: A Roda de Samba SEM HORA LIBERDADE e o cantor IGBONAN ROCHA e o seu SAMBA DE NÊGO.

A ideia é mensalmente, sempre no último domingo do mês, acontecer esta reunião de amigos aficionados pelo Ritmo da Identidade Nacional para curtirem uma tarde de muito samba e tudo que o ritmo agrega: alegria, confraternização, cerveja gelada, caldinho de feijão, feijoada e um grande espaço para a dança!!!!

No repertório de ambos os grupos composições dos grandes Mestres como Silas de Oliveira, Cartola, Monarco, Dona Ivone Lara, Candeia, Noel Rosa, Paulinho da Viola e muitos outros além de muito samba autoral alagoano.

O local escolhido já é conhecido como um reduto do Samba em Maceió: O ORÁKULO Chopperia que tem no seu atendimento um dos pontos fortes da casa e que passou recentemente por uma grande reforma e está apto a oferecer muito conforto a todos.

Para fazer jus ao que propõe o projeto, em todas as edições teremos um Sambista Convidado e nesta primeira edição não será diferente. A primeira convidada do Projeto será a cantora e compositora carioca LUIZA DIONÍZIO que já esteve em Maceió em 2012 a convite do SEM HORA LIBERDADE.


A CONVIDADA: LUIZA DIONIZIO

Imperiana de fé, Luiza Dionizio nasceu no dia de Nossa Senhora da Conceição, no subúrbio da Vila da Penha.

Em 1999, fez sua primeira gravação no CD Independente “Conexão Carioca”. Uma coletânea, do baião ao blues, com compositores e intérpretes sem oportunidades nas grandes gravadoras. A faixa ” Da cor do seu batom” de Milton Sivans, na voz de Luiza, teve destaque e rendeu elogiosos comentários na Revista Música Brasileira.

O canto instintivo e de rara sensibilidade fez com que ministrasse aulas numa oficina musical no Conservatório Brasileiro de Música a convite do instrumentista Carlos Malta.

Shows em homenagem a Cartola no teatro do BNDES ao lado de Elton Medeiros e Henrique Cazes, shows ao lado de grandes nomes como Fátima Guedes, Luiz Melodia, Carlos Malta, Wilson Moreira, Diogo Nogueira e Dona Ivone Lara, e gravações nos CDs Renascença Samba Clube (Conceição da Praia), de Mário Lago (Devolve), de Délcio Carvalho (Notícias de Jornais).

Já no seu primeiro CD “Devoção”, Luiza conquistou definitivamente o público e a crítica. Prova disto foram as indicações de melhor cantora de samba e de melhor cantora no voto popular, no XXI Prêmio da música brasileira em 2010.

Em 2012 gravou a música “A MENINA E O TEMPO” no CD BAÚ DA DONA IVONE, contendo somente com músicas inéditas de Dona Ivone Lara e parceiros, ao lado de grandes interpretes, como: MARIA BETHÂNIA, CAETANO VELOSO, BETH CARVALHO, DIOGO NOGUEIRA, NEI LOPES, entre outros.

Luiza Dionizio cantou por todo o Brasil e também na Europa em 2012, onde fez uma bem sucedida turnê e deixou seu nome gravado na memória de quem gosta de música popular brasileira.

Faz parte do DVD Som Brasil Arlindo Cruz lançado recentemente pela Som Livre, interpretando 3 faixas de grande sucesso do homenageado.

Participa do DVD do Samba Social Clube Volume 5 , gravado no mês de março de 2014, lançado pela Universal Music.

Gravou no Sambabook Dona Ivone Lara, lançado em Junho de 2015.


SERVIÇO:

O QUE? Projeto Raiz do Samba
QUEM? SEM HORA LIBERDADE e IGBONAN ROCHA & SAMBA DE NÊGO convidam LUIZA DIONIZIO
QUANDO? Dia 30 de julho (domingo) a partir das 12h
ONDE? ORÁKULO Chopperia – Praça Rayol, Jaraguá / Maceió
QUANTO? Mesa p/4 pessoas R$ 200,00 – Individual: R$ 50,00 (incluindo feijoada)
VENDAS? Farmacias AO PHARMACEUTICO – (82) 3304-4200
INFORMAÇÕES? (82) 99982-8377 (TIM e WhatsApp) ou 98854-7758 (OI)