Ir para conteúdo

Ouvidor Geral 30-05-2022

0uvidor Geral” para o jornal Primeira Edição de 30-05-2022 – Geraldo Câmara

PENSAR É TRABALHAR

Gosto de pensar e adoro trabalhar. Quem pensa trabalha com muito mais eficiência, com melhores resultados. Do pensar nasce o criar; e a humanidade, repleta de problemas, precisa de criações advindas do poder do pensamento.

Existe uma história, verídica, de alguém que foi visitar uma grande indústria nos Estados Unidos e ao fim da visita deparou-se com uma enorme sala, onde uma pessoa dormitava em uma das poltronas alheio a tudo o que se passava ao seu redor. O visitante, surpreso, porque o trabalho na indústria era intenso, perguntou quem era e ouviu a resposta:

“Aquele é um dos melhores salários desta indústria”.

“E o que ele faz?”

“Ora, ele pensa!”.

O mundo, do jeito que está, quase não se permite mais pensadores. Gente que possa chamar a atenção para os caminhos do futuro, com os pés no chão. Gente que possa planejar o que faz e o que os outros à sua volta possam fazer. A busca incessante pelo lucro acaba gerando prejuízos porque o trabalho a ser realizado e a maneira de realizá-lo não foram devidamente pensados. É necessário que se tenha um pouco de tempo na vida para pensar, para criar, para inovar e para avaliar o que existe no mundo processando as modificações que são imperativas.

Um grande criador americano, John Liston, em uma palestra proferida no I Congresso de Comunicação em Acapulco, do qual fui um dos convidados especiais em 1976, disse a frase que sempre me perseguiu, no bom sentido: “Uma ideia nova não existe. O que existe é uma nova combinação de velhos elementos”. Mas, dizemos nós, ela só poderá existir, se pensarmos o mundo; se pensarmos a vida; se pensarmos as coisas mais simples que nos cercam; se pensarmos os buracos de mercado e se buscarmos nas nossas mentes o preenchimento desses buracos.

Os governos, por exemplo, no afã de mostrarem trabalho pouco param para pensar. Os dirigentes das instituições públicas, afogados na burocracia exagerada e cerceados pelas ameaças de corrupção, pouco ou quase nada pensam e, ao invés de estarem prestando serviços à nação, acabam por lançarem ao lixo seus anos de administração. Isto porque, os hábitos de pensar, de discutir, de criar, foram por água abaixo no que se chama modernidade administrativa.

Vamos pensar, gente!

Vamos lançar sementes que realmente gerem frutos.

Pensando.

DESTACÔMETRO

O destaque vai para o vereador Dinho Dowsley, presidente da Câmara de João Pessoa e presidente do CONALEC – Conselho Nacional do Poder Legislativo Municipal das Capitais e que vai fazer acontecer O II Encontro em João Pessoa nos dias 8, 9 e 10 de junho com palestra especial do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco.

PÍLULAS DO OUVIDOR

Ainda sobre o CONALEC, a Câmara de Maceió se faz representar na sua diretoria através de Galba Novaes Neto, seu presidente e que na entidade nacional ocupa cargo de relevância na diretoria. Naturalmente deverá se fazer presente ao evento de tão larga importância.

A programação local da Rádio Senado continua de vento em popa com o programa “Cidadã Informal” que esta semana levou o presidente e o vice-presidente do TCE-AL, Otávio Lessa e Fernando Toledo além do ambientalista Alder Flores e a Superintendente da Cultura Tereza Machado.

Isto sem contar que a música alagoana também está em alta com o programa “Discografia Alagoana” levada ao ar com inteligência e conhecimento por Ademir Brandão. No programa comenta e apresenta compositores(as) e cantores(as) com suas músicas.

Lembro-me que a inauguração do Aterro Sanitário de Maceió no governo de Cícero Almeida foi considerado um enorme avanço e que o lixão condenado foi entregue a uma empresa para que o tratasse no espaço de vinte anos. Já lá se vão doze e com chorume e portões abertos precisa ser fiscalizado em todos os sentidos. Atenção, IMA.

As chuvas, esta semana, atrapalharam as gravações do Bartpapo e fomos obrigados a levar ao ar uma reprise, ainda bem que de primeira categoria com a presença do agora pré-candidato ao Senado, Ronaldo Lessa.

A Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev) publicou, nesta sexta-feira (27), no Diário Oficial do Estado, o Edital de Chamamento Público para credenciamento de comunidades acolhedoras que tenham interesse em participar da Rede Acolhe.

A Defesa Civil Estadual informa que 3.572 pessoas foram afetadas pelas intensas chuvas que atingem o estado em 33 municípios alagoanos. De acordo com a Defesa Civil Estadual, até a sexta-feira haviam 1.752 pessoas desabrigadas e 1.820 desalojadas.

A equipe da TV Cidadã e neste caso específico constituída por Valtenor Leôncio, Juliana dos Anjos e Fábio Novaes esteve em São Paulo cobrindo evento nacional para o Jornal Atricon. Tremendo sucesso como acontece todas as vezes que sai para trabalhos semelhantes.

O Conselheiro do Rio Grande do Sul, César Miola (foto) e que também é o presidente da ATRICON- Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil esteve em Maceió e inaugurou conosco a programação local da Rádio Senado no programa “Cidadã Informal” apresentado por Geraldo Câmara e Valtenor Leôncio.

ABRAÇOS IMPRESSOS

Conheci Luiza Barreiros logo que cheguei aqui e que comecei a escrever minha coluna em O Jornal. Luiza já era uma das pessoas mais vibrantes e interessadas no que fazia e com muito gosto. Claro que cresceu e a sua nomeação para a Secretaria do Governo não foi de graça. Foi muito justa. Meus abraços, Luiza.

Categorias

OUVIDOR GERAL

Um comentário em “Ouvidor Geral 30-05-2022 Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s