Ir para conteúdo

Ouvidor Geral 30-08-2021

“Ouvidor Geral” para o jornal Primeira Edição de 30-08-2021 – Geraldo Câmara

 RECLAMAR DO QUE?

            Pouco antes de escrever esta coluna estava tomando o café da manhã e assistindo à premiação de vários brasileiros e brasileiras nas Paralimpíadas de Tokyo. Exatamente nesta fase magnífica onde se apresentam atletas de todos os gêneros e que possuem as mais diversas modalidades de excepcionalidade. Seja física, seja mental, o que for. Mas estão todos ali brigando por medalhas, superando-se, fazendo da vida uma festa, uma luta, uma vitória ainda que, para eles, todas as dificuldades existam. Não só as inerentes à sua própria situação física, mas à falta de apoio, de patrocínio, de lugar para treinar. Estava pensando em como a vida já é difícil para o ser humano comum que passa por todas as vicissitudes, pelos caminhos tortuosos da vida, mas o que poderemos dizer desses atletas, muitos deles de famílias humildes que conseguem chegar a tais posições por um esforço continuado, por sacrifício exercido pelos pais, por quererem chegar a um topo nunca imaginado. E é aí que vem a grande pergunta: Reclamar do que? Vivemos reclamando da vida, do preço da gasolina, da carne que subiu; da rua esburacada que estraga o pneu dos nossos carros, Vivemos reclamando de nossa saúde enquanto eles enfrentaram tudo com galhardia. Reclamar do que se a vida nos sorri; se não precisamos nos esforçar para andar, para comer, para pegar as coisas. Pare e pense. E tome como exemplo todos os exemplos que estamos vendo na televisão. Bem longe de nós. Quem sabe é chegada a hora de nos aproximarmos mais dos problemas alheios e reclamarmos menos? Quem sabe?

DESTACÔMETRO

Adriana Guimarães, uma arquiteta de mancheia fica com o destaque de hoje. Responsável pela construção arquitetural e tecnológica do Memorial do TJ arregaça as mangas agora para contribuir com o futuro Memorial do Tribunal de Contas de Alagoas.

PÍLULAS DO OUVIDOR

Com o avanço da vacinação contra a Covid-19 em adultos no Brasil, estados e municípios já começaram a imunizar adolescentes entre 12 e 17 anos. Até este sábado (28), mais de 1 milhão de doses de vacina foram aplicadas no público dessa faixa etária. 

O número é interessante, devemos nos alegrar em ver os nossos jovens vacinados, no entanto precisamos verificar que pelo número de totalmente imunizados até agora, muito adulto fugiu da vacina, o que não é nada bom.

A Equatorial Alagoas, em parceria com a Prefeitura de Penedo, vai realizar de 31 de agosto a 02 de setembro, o Feirão do Nome Limpo. Os clientes que possuem pendências com a concessionária, poderão ser atendidos durante o evento.

A Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS), do Ministério da Saúde, divulgou um boletim epidemiológico com informações detalhadas sobre o perfil da mortalidade de pessoas albinas no Brasil.

O documento traz indicações sobre ações para promover a identificação, diagnóstico, prevenção de complicações e registro de óbitos, com a finalidade de traçar um cenário epidemiológico no país. E os que não são albinos? Onde ficam?

A Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev), e a Defensoria Pública do Estado (DPE/AL) assinaram, Termos de Cooperação Técnica para promover e integrar o Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente vítima ou testemunha de violência em Alagoas. 

Na ocasião da assinatura, o secretário de Prevenção à Violência, Kelmann Vieira, destacou que a parceria vai fortalecer o sistema de proteção à criança e ao adolescente com assistência jurídica integral no novo núcleo do CRAD.

O povo está precisando de dinheiro, de empréstimo, de ajuda? Claro que está. Mas colocar empréstimo para ser pago através da conta de luz é criar um ambiente de loucura para quem não puder pagar. Sem crédito e sem luz. Pode?

Meu amigo Daniel Salgueiro (foto), tributarista fantástico conhecendo o seu ofício como ninguém é quem pode tirar as dúvidas de quem quiser e precisar sobre a Reforma Tributária que vem por aí e traz no seu bojo importantes modificações no Imposto de Renda.

ABRAÇOS IMPRESSOS

Um abração impresso nessa talentosa Claudia de Bulhões. A mulher que, aqui em Alagoas, bem antes de se falar em YouTube, já fazia uma televisão pela internet com o nome de TV Gente da Gente. Cláudia é do tipo do “vai em frente” e do “vai dar certo”.

Categorias

OUVIDOR GERAL

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s