Ir para conteúdo

coluna BARTPAPO

Coluna BARTPAPO com Geraldo Câmara– Tribuna Independente -14-08-2020

DA ENDEMIA À PANDEMIA  – a suposta expansão da China!

              Quem diria que, exatamente no país que tem a maior população do mundo, que vê a sua própria economia crescer assustadoramente e entrar países adentro com seus produtos, outrora declarados como falsos, de má qualidade e hoje inteiramente integrados no mercado mundial, quem diria que exatamente neste país nascesse também este novo e execrável “produto” que se espalhou mundo a fora levando a dor, a morte, o desespero e a mudança de hábitos em todos os sentidos da vida.

              Alguns poderão dizer que estamos praticando o xenofobismo, que estamos culpando os chineses e quem sabe, estejamos até dizendo que eles fabricaram e exportaram esse detestável “coronavírus” com o intuito de se mostrarem condutores de algum tipo de arma biológica que os ajudassem a conquistar o mundo com mais rapidez e com a aplicação do medo, o medieval medo de outrora.

              Ao contrário, estamos aqui mostrando que, como nós, como os Estados Unidos, como toda a Europa, como os japoneses, a China ainda está sofrendo, não só pelas perdas humanas que teve como, as econômicas que como todos nós, também devem estar tendo. Ah, dirão alguns, mas aquele país se recriou em termos de exportação com as necessidades mundiais de respiradores, de equipamentos pessoais de proteção e de tantos outros produtos que aumentaram o consumo mundial em função da pandemia. Irrisório. A potência chinesa tem alicerces muito mais vigorosos e que são alimentados pela tecnologia e espalhados por todos os ramos do consumo. Não precisaria provocar uma catástrofe mundial para manter em crescimento sua produção e seus negócios globais.

              Ora, dirão os meus habituais leitores: Que deseja esse escriba com tanta defesa do país distante? Nada. Talvez criar história. Talvez começar a aparar arestas no que se diz por aí. Talvez impedir os já famosos “fake news” pelo menos dentre o meu reduzido número de leitores que apesar disso é de uma enorme percepção e capacidade de gerar e reproduzir idéias, de difundi-las e de fazer justiça.

              Nunca fui à China, ao contrário de tantos outros países que conheci, incluindo aí o oriental Japão. Não tenho diploma chinês, muito menos procuração, mas, por favor sejamos sensatos o suficiente para deixarmos de lado os “disse me disse” maldosos e enfrentarmos a realidade de que o “coronavírus” poderia ter surgido em qualquer lugar do mundo, inclusive no nosso Brasil. Sem que nos acusassem de termos feito “um negócio da China.

ALERTAS DO DIA

  • O novo decreto do governador mantém o serviço público em “home Office” e as escolas fechadas. O equilíbrio reside em fazer o certo no momento certo e não se iludir com resultados ainda em interrogação. É por aí.
  • Continuo insistindo com os freqüentadores de bares e restaurantes para que não prejudiquem os empresários do ramo. Eles precisam trabalhar. Sigam as regras.

PARE PRA PENSAR (do meu livro do mesmo nome)

O melhor do ganhar é recordar o esforço que se fez para chegar lá.             

Categorias

ARTIGOS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s