EU

Egoísta que pareça, o eu sou eu.

Sorrindo, sofrendo, vivendo,

Esperando, lutando e amando,

Crescendo no espaço,

Forjando o aço.

Chorando no riso,

Rindo no choro.

Somando.

Sempre somando.

Querendo.

Chegando.

Por dentro quem conhece o eu?

Eu.

Emoção.

Intenção.

É bom!

Eu quero.

Eu vejo.

Eu sonho.

Espero.

Alcanço.

Balanço.

Equilibro.

Ouço.

Vejo.

Falo.

Às vezes demais.

Outras, de menos.

Desejo.

Para mim.

Mais para os outros.

Pecado?

Quem sabe?

Bem.

Quero o bem.

Nunca demais.

Felicidade.

Verdade.

Mesmo que pareça mentira.

Amo.

A mim mesmo.

A muita gente.

Ou pouca gente que vale muito.

Flores.

Vida.

Poesia.

Alegria.

Trabalho.

Esperança.

Criança,

Idade.

Cada vez mais.

Cada vez menos.

Passado.

Tudo pra trás.

Muito pra frente.

Semente.

Brota.

Cresce.

Viceja.

Tudo como dantes.

Certo.

Tudo certo.

No fim…

Dá certo.

Quem?

Eu.

* Poesia escrita em 20.11.1977

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s