BARTPAPO 26 09 2018 Kátia Regina

Anúncios

BARTPAPO 25 09 2018 Jeanne Melo

Ouvidor Geral 12-11-2018

                                   A GRANDE EMPRESA BRASIL S/A

No dia em que os brasileiros, condutores ou não do processo convencerem-se de que o país precisa ser administrado como uma grande empresa não tenho dúvida de que os sistemas mudam, que as pessoas mudam e que o Brasil começará a entrar em outra fase de responsabilidade funcional e processual. E quando o digo afirmo que teremos que fazer uma verdadeira revolução de métodos e sistemas começando pela desburocratização, um dos grandes cancros na administração publica. Não que ela não seja necessária, mas exageradamente deve ser expurgada. Não se concebe que um processo pequeno de licitação deva passar por tantas fases e contra fases que, no final das contas percorra um assustador tempo de mais de seis meses para ser finalizado. Não se concebe um fluxograma inter poderes e inter estados, municípios e união tão impossível que chega às raias do ridículo. No entanto, se a gestão pública começasse a ser tratada com as regras da empresa organizada com todos os controles possíveis e imagináveis, mas com a velocidade que valoriza o lucro não tenho dúvidas de que estaríamos vendo o nascer de um novo Brasil. Talvez a grande moralização e um dos combates à corrupção passe pela simplificação, já que o complicado sempre foi sócio do errado, da jogada e do famoso jeitinho brasileiro. Pensemos e levantemos a bandeira de um novo país: Brasil S/A.

 DESTACÔMETRO

MLTON HÊNIO

O destaque vai para o fantástico médico pediatra Milton Hênio que no curso de sua profissão atendeu a cerca de 260 mil  crianças, todas com a mesma emoção que sempre faz parte do seu ofício sublime.

 PÍLULAS DO OUVIDOR

Expectativa nesses dois últimos meses do ano para saber se o governador Renan Filho vai fazer muitas mudanças no seu secretariado ou não. Pelo que se diz as mudanças serão apenas as de necessidade de acomodação política.

A Operação Lava Jato parece que combinou tudo com a saída do Juiz Sérgio Moro. Já deflagrou várias sub-operações incluindo a que prendeu 14 deputados estaduais do Rio de Janeiro e o  ex-vice-governador de Minas Gerais. Ops!

Na Paraíba, o vereador de João Pessoa, Dinho Dowsley, deu uma lúcida entrevista enquanto relator da Lei de Orçamento Anual demonstrando que as emendas dos vereadores só serão executadas se vierem acompanhadas de projeto executivo.

Quando isso não é feito e aqui também ocorre o mesmo, as emendas não são pagas e às vezes passa despercebida aos vereadores a absoluta necessidade do projeto, do planejamento. Caso contrário, babau tanto trabalho para tê-las.

Temporada de prêmios já começou. O primeiro e já tradicional é da ADEMI e já aconteceu. O próximo, dia 21 de novembro no Hotel Jatiúca será o do SINCOR que leva o nome de meu saudoso amigo, Alberto Marinho.

A Algás e o gás natural foram os grandes ganhadores do prêmio Master ADEMI deste ano já que teve 70% de seus vencedores empreendimentos imobiliários contando com as vantagens do gás natural.

Com a  ARSAL aconteceu em Delmiro Gouveia uma Oficina de Geofonamento.  Ofertado pela Casal, o treinamento ensinou aos técnicos da área a manusearem o geofone, equipamento de detecção de vazamentos de água e ligações clandestinas.

A mestra Patrimônio Vivo de Alagoas e chef  Mãe Neide Oyá D’Oxum, apresenta a Oficina Gastronômica Sabores e Saberes da Terra de Zumbi, de 12 a 16 de novembro. O evento será realizado no Parque Memorial Quilombo dos Palmares

A terceira etapa da pesquisa Saúde do Homem, Paternidade e Cuidado, realizada pelo Ministério da Saúde, indica que 62% dos pais ou cuidadores entrevistados participaram das consultas de pré-natal com suas parceiras em Alagoas.

CACÁ E ELIAS

Um grande evento promovido pelo Conselho Estadual de Segurança discutiu o que já se chama de SUSP- Serviço Unificado de Segurança Pública. À frente, Antônio Carlos Gouveia (Cacá) e Cel. Elias Oliveira (foto), ambos “experts” em segurança.

ABRAÇOS IMPRESSOS

NOVEMBRO AZUL 2

Os abraços vão para os amigos acima que fotografaram para a belíssima campanha da Rede Feminina de Combate ao Câncer, à frente Maria Helena Lessa que está abordando o câncer de próstata durante todo esse mês de novembro azul. Apareci também contribuindo para a importância do assunto.

Ouvidor Geral 05-11-2018

QUEM SERÁ O PRESIDENTE DO BRASIL?

Agora esta é a grande pergunta. Quem será o presidente do Brasil? Como será ele com tantas responsabilidades agora assumidas perante um eleitorado imenso e, obviamente, perante todo o resto da sociedade ainda que não o tenha apoiado? Esta é inquirição que fica, a interrogação que permanecerá durante algum tempo até que Jair Bolsonaro diga realmente para o que veio. Os principais atos de escolha de seus colaboradores mais diretos nos mostram uma vontade de acertar e até um equilíbrio compatível com o que dizia em campanha. A escolha de nomes como Paulo Guedes, Sérgio Moro, Marcos Pontes nos mostram a vontade de se cercar bem com notáveis que possuem características positivas para cada função. Não pelo fato de serem notáveis, mas pela competência que possuem e pela personalidade definida de desejarem fazer o melhor para o povo brasileiro. Fico à vontade para escrever este artigo porque o teria escrito se o vencedor tivesse sido o Haddad. No caso dele ainda foi prefeito de São Paulo, mas no de Bolsonaro os exemplos administrativos estão zerados. No entanto, a vontade de acertar, o desejo de mudar as mazelas do país, só isto já o credencia a receber o necessário crédito de confiança do povo brasileiro. Vamos esperar para no futuro podermos dizer quem é de fato e de direito o presidente do Brasil.

DESTACÔMETRO

RUTH FREITAS 2

O destaque vai para a educadora e escritora, Ruth Freitas que na próxima quarta-feira, dia 7 de novembro estará lançando seu tratado (mais que um livro) Solidariedade Educacional. 19:30h na Casa da Indústria. Imperdível.

 PÍLULAS DO OUVIDOR

Estou em João Pessoa curtindo mais uma vez os netinhos gêmeos e me colocando a par dos acontecimentos naquela cidade que na aparência verticalizou e já tem prédios com mais de sessenta andares.

Esta semana faleceu em Teresina e seu corpo foi levado para João Pessoa, o velho amigo Solon Lucena, o patriarca dentre os irmãos nos quais se incluía o ex-governador e senador Cícero Lucena. Solon era o grande artífice das vitórias da família.

A Paraíba ainda está sem entender algumas derrotas na política local incluindo-se aí o atual vice-presidente do Senado, Cassio Cunha Lima. Essa foi mais uma das surpresas ocorridas nas eleições de outubro deste ano.

Há quem não entenda mas era de se esperar que o juíz Sérgio Moro aceitasse o convite do presidente Bolsonaro para assumir o Ministério da Justiça. Há de se entender que no Ministério ele vai fortalecer mais ainda o combate à corrupção.

Os candidatos que perderam as eleições nas Alagoas estão em polvorosa para ver como serão as constituições dos novos mandatos, que acordos podem ser celebrados e se restam oportunidades no executivo para eles. Ou como suplentes.

Encerrando as comemorações do Outubro Rosa em Maceió, a Casa Rosa lançou o projeto “Banco de Lenços”, visando perpetuar a campanha pelos próximos meses. Os lenços são uma alternativa às perucas, que muitas mulheres não se adaptam.

A proposta é que os lenços, vindos de doações da sociedade, sejam dados para pacientes com câncer de mama assistidos pela instituição e que perderam os cabelos devido ao tratamento.

Agora, em matéria de eleições as atenções estão voltadas para a OAB e para ver se a chapa situacionista comandada por Nivaldo Barbosa se mantém à frente da instituição ou se a de Fernando Falcão pega as chaves para o próximo triênio.

Esta semana estaremos entrevistando ambos os candidatos à OAB para o nosso Bartpapo. Entrevistas separadas garantindo o mesmo espaço para ambos e com as mesmas oportunidades de mostrarem para o que vieram.

HARON CAVALCANTE

Em domingo de descontração no Caio Mar estivemos com este jovem Capitão dos Portos, Haron Cavalcante (foto). Carioca, cheio de idéias, sem dúvida irá cumprir seus dois anos à frente da Capitania com galhardia.

ABRAÇOS IMPRESSOS

EMANUEL COSTA

Os abraços impressos da semana deveriam ir toda semana para o Tenente Emanuel Costa que tão bem conduz a Operação Lei Seca. A sucessão de operações que vêm acontecendo já estão mais para educativas do que para punitivas.

   

Ouvidor Geral 29-10-2018

CÂMERAS DE RUA

ENTRE A MULTA E A CULTURA

Após passar mais de vinte dias na Europa em especial em cidades alemãs volto ao Brasil, mais especialmente à nossa querida Maceió e vejo logo a notícia de que iradamente o prefeito resolve abrir mão da ação para reaver a utilização de pardais já que não conseguiu se livrar da pecha de uma licitação errada ou de uma falta de licitação. Que bom, penso eu. o prefeito naturalmente vai partir para uma ação cultural, educacional com motoristas e pedestres. Mas, nada disso. O prefeito resolveu investir pesadamente na compra de câmeras de alto nível e alcance para iniciar até final de dezembro um monitoramento em toda a cidade que até poderia servir para iniciar uma nova etapa cultural. Mas, não! O que ele e a SMTT querem é o estabelecimento custe o que custar de uma nova indústria de multas que possa ajudar a engordar os cofres da prefeitura, já que inexiste a capacidade de gerar mais impostos com o desenvolvimento  comercial e de serviços. Gerar mais empregos, prefeito, buscando soluções para este caso seria uma das metas a serem alcançadas pela prefeitura. Agora, multar por multar, perseguir desesperadamente não tem nenhum mérito administrativo. A não ser, prefeito, que o resultado de multas honestas, decentes e bem julgadas fosse carreado para obras sociais de alcance incluindo a cultura a que nos referimos lá em cima. Mas não é esse o objetivo. Então, avise prefeito quando será a inauguração dessa nova indústria festiva para um lado e triste para o outro. Ah…me referi à minha viagem à Alemanha porque nunca vi nada tão organizado e tão perfeito sobretudo em termos de cidadania e de obediência sem pressões às regras e leis daquele país. Ajude, prefeito, com melhores educação, saúde e segurança. E com menos multas.

DESTACÔMETRO

CANETINHA

Pense em um cara que sempre haverá de merecer destaque, seja nesta coluna ou em qualquer lugar. Meu amigo Canetinha, agora revelado por dentro e por fora deixou a carequinha de fora e ficou muito mais simpático e bonito. Bem vindo ao mundo.

 PÍLULAS DO OUVIDOR

Quando escrevo essa coluna o domingo ainda não havia chegado, as eleições ainda não haviam ocorrido e muito menos, óbvio, o resultado final para presidente. Não sei portanto de nada. Mas sei que um novo presidente precisa ser apoiado pelos brasileiros.

Digo isso porque me revoltei muito com a verdadeira guerra estabelecida no país entre as duas facções políticas mostrando que o povo não está democraticamente preparado para lutar por suas ideias. E quem entrou precisa do apoio do povo.

E não me venham com a velha história de que o povo não sabe votar. O que ele não soube nesta eleição foi participar com ideias para os candidatos, com projetos, com sabedoria e deixou que a manipulação e a radicalização falasse mais alto.

Longe de alguém pensar que estou defendendo este ou aquele candidato e ainda nem sei quem ganhou como expliquei acima, mas detestei a polarização guerreira, desordenada e violenta que tomou conta do nosso Brasil. De ambos os lados.

Como ao mesmo tempo está havendo a chegada de muitos parlamentares e governadores novos espero sinceramente que pela ação desses novos políticos o país possa começar a entrar numa nova era de entendimento sem beligerância.

Gostaria muito de ainda ver uma nova geração de políticos envolvida realmente em projetos de desenvolvimento para o país e para os estados da federação sem pensar em projetos pessoais de enriquecimento ilícito e alta corrupção.

E estamos vendo que a sociedade começa também a entender isto e os que não estavam muito entretidos com os atos da eleição presidencial puderam escolher melhor seus representantes no Senado e na Câmara do Deputados. Renovação!

O que precisa mudar é o já conhecido “prometo isso ou prometo aquilo”. É necessário que todos passem a ter a consciência de que o país muito acima de ser discutido precisa ser realizado. Um trabalho e um desafio para os novos.

De minha parte assim como espero que haja um compromisso de todos os colegas e em todos os níveis estarei vigilante, acordado, atento às “mudanças fugazes” e torcendo pelas mudanças concretas. 

ESQUINA DA ALEMANHA

Um dos lugares mais bonitos do mundo (foto) e que recebe o apelido de “Esquina da Alemanha”. Exatamente a confluência dos rios Reno e Mosel na belíssima cidade de Koblenz. Vale a pena conhecer. De preferência no navio River Voyager.

 ABRAÇOS IMPRESSOS

VALENTIM

Os abraços agradecidos vão para o empresário português, Valentim Ribeiro, que, em noite luso-brasileira no Hotel Premier, outorgou-me o cobiçado Troféu Amália Rodrigues em função do apoio dado à cultura daquele país irmão.

 

  

Ouvidor Geral 22-10-2018

O MAL DOS RADICALISMOS

               Seja no que for, o radicalismo não soma, não encontra caminhos viáveis, não deveria fazer parte de um sistema que se diz democrático, mas faz. E como tal também temos que respeitar posições sejam elas quais forem porque falar e ouvir com respeito e com dignidade também são fatores indispensáveis ao exercício correto da democracia. No entanto e lamentavelmente estamos vendo uma campanha presidencial acirrada, seria até correta não fossem os excessos praticados, a troca de impropérios e acusações, de fundadas a infundadas, com a imensa colaboração das Redes Sociais que se permitiram serem usadas não mais para a defesa de programas e de propostas respeitáveis para se transformarem em berço nada esplêndido das chamadas “fake news” covardemente utilizadas por ambos os lados com ataques que vão do institucional ao pessoal transformando uma campanha que poderia ser muito bonita em lixo da democracia. As idéias colocadas, insisto em dizer, dos dois candidatos, poderiam se apreciadas e estudadas pela população de maneira bem mais objetiva não tivessem sido criados os campos de batalha ao invés das arenas de debates produtivos e conclusivos. Face a isto, fica o eleitor num terrível papel olhando-se uns aos outros até com olhos de inimigos dissociando até famílias, dispersas em idéias aterrorizantes e radicais. Espero que cheguemos no próximo domingo a um final feliz para uns, frustrantes para outros, mas sem mais delongas com a deposição e o esquecimento das armas usadas nessa infeliz campanha.

DESTACÔMETRO

RODRIGO CUNHA

O destaque vai para o amigo e agora senador eleito, Rodrigo Cunha pela limpeza e honestidade de sua campanha sem depreciar ninguém e respeitando plenamente a democracia nas eleições. Incluo no destaque a também excelente vitória de Renan Calheiros.

 PÍLULAS DO OUVIDOR

Sem traumas, sem brigas, sem discussões inócuas, o cuidado pelo meio ambiente na Europa, principalmente na Alemanha é incrível e o respeito é praticado em cada ponto de preservação.

Fizemos uma bela incursão pelos rio Reno e Mosel dentro de um espetacular navio de cruzeiro, por três dias e três noites. Uma das gostosas experiências foi estar dentro do navio que passou por nove eclusas durante o trajeto.

Eu conhecia como espectador o trabalho da eclusa no Panamá e nunca me esqueci. No entanto quando você faz parte direta do processo a sensação e a emoção são outras. Durante a madrugada aconteceu também e você nem acorda.

Duas cidades à margens dos rios me agradaram em cheio: Koblenz, exatamente no encontro dos dois rios e BernKastel, fantásticas ambas pela arquitetura antiguíssima, por castelos, gastronomia e muita cerveja.

O famoso jantar de despedida no navio Voyager foi na mesa do comandante, nosso amigo e anfitrião Host Lehmar, um alemão com paixão pelo Brasil e principalmente por Alagoas onde já tem até apartamento na Jatiúca.

Duas brasileiras localizadas há mais de 30 anos em Colônia querem fazer um turismo receptivo lá, sobretudo para nordestinos terem a sorte de conhecerem a Alemanha com gostinho de morador. Estou aproximando-as de uma agência de viagens daqui.

Aliás, a Alemanha não é a primeira escolha de quem vai para a Europa, mas para quem já conhece os tradicionais Portugal, Itália, Espanha e França, conhecer aquele país é encantador e culturalmente importante. Com gente de lá, então!  

Loucura mesmo foi o nosso embarque de volta para o Recife a partir de Frankfurt, um imenso aeroporto onde você anda, anda, anda e anda até chegar com suas bagagens ao “check-in”. Acho até que fiquei bom de minhas dores nas pernas.

Viajamos pela Condor, alemã, 10 horas de um excelente vôo com muita gentileza a bordo e bom serviço também. Difícil foi esperar a bagagem no Aeroporto do Recife. A desorganização e a demora já nos deram saudades da Europa.

CIDADE ALEMÃ

A foto acima mostra uma pequena cidade alemã, no interior. Conheci mais de vinte delas sem encontrar miséria, sujeira, falta de infra estrutura. Tudo perfeito como gostaríamos que fosse  em nossas pequenas cidades. Nas grandes também.

ABRAÇOS IMPRESSOS

GENTE ALEMÃ

Os abraços impressos vão e já com saudade para essa turma brasileira e alemã que nos recebeu tão bem, que nos acarinhou e dividiu conosco a alegria de conhecer  aquela parte da Europa que nos faltava. Obrigado, gente!