Vivendo e desaprendendo

Impressionante como o mundo de hoje nos faz desaprender as regras mais comesinhas que nos foram ensinadas por pais e mestres e até pela vida, de um modo geral. Não nos apercebemos, talvez, mas os anos deixam de ser dourados, as festas não são as mesmas, as comemorações são voltadas para o “sem expressão”, os ritos da educação familiar viram mitos e até são ridicularizados pelas novas gerações. Droga não é mais remédio. É uma droga, mesmo e que mata individual e coletivamente. Bandeira não tem mais mastro e serve para enrolar na cintura em manifestações populares, muitas vezes sem nexo. Hinos são deturpados e para serem cantados precisam baladisar. Sexo era lindo e ficou banal. Deixou, em muitos casos, de ser praticado entre quatro paredes para ser à luz do sol. Os diálogos sumiram, pelo menos frente à frente; mas cresceram diante dos fantásticos aparelhinhos que unem pessoas ao redor do mundo e até menos mal do que a solidão completa. Pais viraram irmãos ou amiguinhos, sei lá! E até inimigos em muitos casos. Filhos não podem ser reprimidos nos seus maus atos e nem sequer uma, antes útil, palmadinha é mais permitida. Prisão era para marginais e hoje nela estão os chamados “maiorais” que se igualaram aos marginais. O real já foi moeda nacional, mas a que vale mesmo para os bolsos de alguns, sem dúvida é o dólar idolatrado do Oiapoque ao Chuí onde exista um corrupto ou um corruptor. E assim, devagarzinho, vamos vendo o mundo se deseducar solenemente e com ele as novas gerações que se não reagirem serão o caos em forma de gente. Que pena!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s