Ir para conteúdo

coluna BARTPAPO 06-03-2020

Coluna “BARTPAPO com Geraldo Câmara”  – Tribuna Independente- 06-03-2020

                                     TIREM A CULPA DA NATUREZA

Nunca vimos tantas e poderosas enchentes como as que estamos vendo agora. Verdadeiras calamidades, sobretudo em cidades de porte maior onde os transtornos e os desastres têm sido profundamente marcantes. Ruas que nunca encheram, rios que nunca transbordaram, as surpresas vão chegando à medida em que os temporais também vão surgindo em nível cada vez maior. Os temporais, tudo bem, podemos creditar à natureza, ao aquecimento global – olha a mão do homem aí – mas as cidades, sem dúvida, são de responsabilidade única do homem, o maior predador da natureza.

As cidades mal projetadas e com crescimento absolutamente despreparado não sabem o que fazer com a má educação do homem que joga lixo onde não deve, que não cumpre as comezinhas regras de civilidade, que não pensa enquanto administrador em saneamento básico, em esgotos realmente factíveis. E não pensa porque, por mais modernos que sejam os hábitos e mais fiscalizados que sejam os governos, obra enterrada não gera voto. O que, aliás, deveria ser uma balela.

Nessa altura do campeonato pensar em esgotos, em desobstrução de galerias, em construção de novas, em modernização do serviço de águas, em vias que tenham menos impermeabilização asfáltica e que permitam um escoamento mais rápido das chuvas fica parecendo utópico. Mas, na verdade, o acúmulo de obras erradas e a ausência de muitas outras é que são as responsáveis pelos desastres que estamos vivendo.

Além do mais ficam as questões das encostas nunca respeitadas e com códigos urbanos permitindo construções perigosas e sempre sujeitas ao que há de pior quando as chuvas chegam pra valer.

Na verdade, as cidades são constituídas de verdadeiras armadilhas que sujeitam as populações aos mais freqüentes perigos. Fácil, no entanto, será sempre colocar a culpa na natureza; no excesso de milímetros chovidos durante um período e por aí vai.

Bom, no entanto, será o dia em que os governantes perderem o medo de fazerem as obras “escondidas” de que tanto suas cidades e estados necessitam ainda que venham a ser prejudicados pela ignorância eleitoral dos que só acreditam naquilo que podem ver e apalpar.

ALERTAS DO DIA

  • Este país dever ser um dos que mais desrespeitam a Constituição, nossa Carta Magna, o termômetro da democracia. Um exemplo está nas greves e nos motins do Ceará que não estavam nem aí para o artigo da Constituição que proíbe greve dos trabalhadores, militares ou não, ligados à segurança do estado ou do país. É bom abrirmos o olho para o desrespeito.
  • Acho que essa palavra que escrevemos agora é bem capaz de virar neologismo entre nós: “econovírus”. Sério problema mundial que já se mostra nos vários países em que a economia se vê afetada pela pandemia do Coronavírus.
  • Vamos brincar agora de aumentar tarifas de fornecimento de eletricidade pensando só no lado de quem fornece? A Equatorial por mais direito que tenha a um reajuste não pode pensar em mais de 12% . Um absurdo que vai deixar muita gente sem luz em casa.
  • E o Alfredo Gaspar deixou mesmo a carreira de promotor de justiça! Algo que a maioria não esperava muito menos alguns candidatos.

PARE PRA PENSAR

O amor é a mais poderosa arma que é permitida portar. Usem e abusem.

 

 

Categorias

OUVIDOR GERAL

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s